O que é Business Intelligence e por que a sua marca deveria se preocupar?

Daltro Coutinho
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
O que é Business Intelligence e por que a sua marca deveria se preocupar

A concorrência sabe mais do que você, já teve essa impressão antes? Pois é. Eu também já tive, aliás, acredito que toda empresa do mundo, todo infoprodutor, todo mundo que já empreendeu, teve essa sensação. É por isso que hoje vou falar de Business Intelligence.

Business Intelligence (BI) é uma tendência que mostra como, quando, onde e o porquê da concorrência, algumas vezes, realmente saber mais do que nós. 

Mas é com o BI que somos capazes de reverter este quadro e nos posicionarmos fortes novamente no mercado.

Então, vem aprender o que é Business Intelligence, por que isso importa e o que fazer em seguida. Combinado?

Vamos lá! 

Lições importantes para criar uma cultura criativa na sua empresa

O que é Business Intelligence, afinal?

O BI é a união de vários sistemas, ferramentas e tecnologias (como softwares) usados para captar todos os dados de clientes e audiência da empresa e transformá-los em uma informação concreta de valor.

Ele te oferece um relatório completo com essas informações e um panorama geral do seu negócio. E você pode acessar esse relatório do próprio celular, se for necessário.

A partir daí, consegue utilizar os dados fornecidos por seus clientes e audiência para identificar exatamente o que fazer para tomar uma decisão mais assertiva, inteligente e estratégica em um tempo mais reduzido. 

Além disso, também consegue mapear os resultados dos investimentos feitos e saber se eles são positivos ou não.

Veja alguns exemplos de informações que você tem acesso com o Business Intelligence: 

  • Dados de consumo;
  • Identificar os clientes que mais compram;
  • Número de vendas;
  • Data de compra dos clientes;
  • Quais clientes compraram mais.

E, com essas informações, você consegue:

  • Melhorar a parte operacional do negócio; 
  • Melhorar a relação com os clientes;
  • Otimizar a gestão do negócio em geral; 
  • Criar novas estratégias.

Lembre-se: você pode aplicar o Business Intelligence no seu negócio independentemente do porte ou segmento no qual trabalha. 

O que é Digital Storytelling e como usar na sua estratégia?

Por que o BI é tão importante para a sua marca?

Tomar decisões estratégicas mais assertivas e confiáveis é uma preocupação para você?

Então você deveria entender o que o termo Inteligência Competitiva significa.

Vamos colar a definição diretamente da Associação Brasileira de Analistas de Inteligência Competitiva: é o processo informacional proativo que conduz à melhor tomada de decisão, seja estratégica ou operacional.

Este é um processo sistemático que visa entender as forças que regem os negócios, reduz riscos e conduz ao processo decisório antecipativo.

Ficou claro que estamos falando de tomadas de decisão que podem impactar diretamente o futuro e a saúde de uma empresa.

7 ideias lucrativas de lojas online que você precisa conhecer

Legal até aqui; mas por onde começar?

Para ter condições de iniciar esse processo, você precisa de uma base sólida que norteie sua tomada de decisões.

Achismos e suposições não ajudam. Feeling empresarial é até bem-vindo, mas algo mais concreto lhe oferece bem mais chances de fazer uma boa escolha.

Resumindo, você precisa de um sistema que ofereça coleta de dados.

A interpretação e análise dessa coleta se transforma em informações, e é a partir disso que se tem condições de analisar um contexto, um cenário, e te permite tomar uma decisão.

O que é Business Intelligence e por que a sua marca deveria se preocupar
O que é Business Intelligence e por que a sua marca deveria se preocupar

Exemplos práticos de Business Intelligence no dia a dia

Exemplos do uso de BI não faltam. A Seleção alemã de futebol, por exemplo, usou uma grande concentração de dados táticos para otimizar seus resultados na Copa do Mundo de 2014, sediada no Brasil.

Com métricas como velocidade dos jogadores e qualidade das jogadas, eles conseguiam decidir a escalação para cada partida e estratégias para vencer os jogos. Como resultado, foram campeões mundiais naquele ano.

A empresa Avon também implantou o BI para otimizar os seus processos. Deixaram de fazer escolhas com base puramente em intuição e experiência, para baseá-las em dados sólidos e fundamentos confiáveis.

Assim, avançaram no mercado e se adaptaram a uma tendência praticamente obrigatória dos nossos tempos.

Dúvidas sobre marketing digital que muitas pessoas têm

Onde coletar os dados para começar a minha estratégia de BI?

Você pode coletar dados essenciais em ferramentas de web analytics, de Automação de Marketing, um CRM ou uma plataforma de BI. Pensando no trabalho da área de Marketing, uma das que mais se beneficiam do BI, as ferramentas fornecem dados relevantes como:

  • fluxo de entrada dos visitantes do site;
  • páginas com as melhores conversões;
  • caminhos percorridos pelo seu Lead;
  • os padrões de consumo;
  • a localização deles;
  • os horários em que eles consumiram;
  • qual a taxa de conversão da sua empresa;
  • quais itens foram comprados juntos.

Vários desses dados também podem ser coletados nos relatórios internos trimestrais das suas equipes de Marketing e Vendas.

Para facilitar a análise dos dados coletados e transformá-los em insights, é interessante usar programas que permitam que você coloque dados de formas gráficas. Para isso o Excel é recomendado, assim como o RapidMiner, que permite o cruzamento e análise de dados de forma mais completa.

Não podemos esquecer que você também pode obter dados relevantes através de pesquisa com clientes e ex-clientes, benchmarking, entre outras fontes.

Auditoria de marca? Entenda se você precisa de uma

Prontinho.

Este foi o meu artigo sobre Business Intelligence.

Agora você já tem um parâmetro sobre essa estratégia, suas implicações e suas facilidades.

Gostou das dicas, então continue acompanhando o Blog. Estou sempre trazendo conteúdos relevantes sobre o universo das marcas fortes.

Agradeço a leitura e até a próxima! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *